Medicina Nuclear

Medicina Nuclear

Category : Uncategorized

Esta é uma especialidade médica que utiliza quantidades mínimas de radiação, através de elementos conhecidos como radiofármacos, para realizar exames diagnósticos, tratamentos terapêuticos e auxiliar alguns procedimentos cirúrgicos.

O principal diferencial da Medicina Nuclear está na avaliação da função dos diversos órgãos. Mas ainda há outras vantagens: os procedimentos além de não serem invasivos, são muito seguros. A cintilografia e a tomografia por emissão de pósitrons (também conhecida como PET/CT, na sigla em inglês) são as principais aplicações desta tecnologia para diagnósticos.

Com a cintilografia, por exemplo, é possível examinar o funcionamento de diversos órgãos do corpo – e não apenas o contorno dos órgãos, como acontece com outros exames de imagem – por meio da emissão de uma leve quantidade de radiação que é detectada pelos equipamentos. Coração, rins, fígado, pulmões, tireoide e cérebro estão entre os órgãos que podem ser analisados por meio deste exame, assim como ossos e até mesmo tumores.


Leave a Reply